Noites Cafajestes à venda

Noites Cafajestes está de novo à venda, agora no site da Amazon Brasil: clique no link abaixo, e digite o nome do livro na pesquisa loja kindle, no alto da página.
Um verdadeiro guia de comportamento e sabedoria canalhas e cafajestes por R$6,00.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2021

Descobertas feitas em mesas de bar e registradas em guardanapos - CXIV

 


"Certos bebuns são um tipo de gremlins: se regados com cachaça dá uma bosta tremenda."

Do colaborador mor desta tranqueira, enquanto observávamos alguns tipos que campeavam (leia-se enchiam o saco) em nosso bar favorito.

 

Saudações canalhas e cafajestes.  

sexta-feira, 26 de novembro de 2021

Pérola de sabedoria

 "O sábado era cheio de mentiras e falsidades, mas não suficientes para desencorajar. Não fazia mal, partia-se de peito aberto para a noite, dispostos a enfrentar cara a cara seus riscos e seduções. Mundo, estou aqui! O sábado, um desafio, mesmo se decepcionante deixa sempre lição ou marca. "

Meu dia preferido, Marcos Rey

Uma pequena amostra porque este mestre é um de meus escritores favoritos e um dos mais subestimados de nossa literatura.

(Sim, o tempo ainda está escasso e continuo obrigado a apelar para citações e frases curtas e certeiras)

 

Saudações canalhas e cafajestes

sexta-feira, 19 de novembro de 2021

Pandemias vão e vêm mas as lendas nunca morrem

 

Os temores foram grandes, mas o templo maior da putanhagem na rua Augusta sobreviveu(na verdade estava fechado para reformas) e reabriu em toda sua glória. 

(Foto tirada há poucos minutos e postada nesta tranqueira em seguida, em um bar poucos metros abaixo).

Saudações canalhas e cafajestes

sexta-feira, 12 de novembro de 2021

Pérola de sabedoria

"O trabalho é a maldição da classe bêbada."

De uma hq do mestre Robert Crumb.

Sim, caros leitores, já há algumas semanas as postagens do blog são diretas, sintéticas e principalmente, curtas, de poucas ou pouquíssimas linhas, por razões de força maior: este escriba anda muito atarefado com atividades mundanas - leia-se, submeter-se à máquina de moer gente chamada sociedade capitalista, para extrair os cobres que sustentam SUA vida mundana - e também com outras atividades literárias, estas de grande vulto e complexidade. Vocês tem minha promessa solene, feita enquanto entorno garrafas de cerveja, que em breve postagens mais longas e elaboradas (dentro dos estritos limites intelectuais deste sujeitinho) voltarão a comparecer  nesta tranqueira.

Saudações canalhas e cafajestes

sexta-feira, 5 de novembro de 2021

Descobertas feitas em mesas de bar e registradas em guardanapos - CXIII

"Os bicos dos peitinhos duros das mulheres gostosas são o radar delas, que as avisam de nossas más (ou ótimas!) intenções."

Observação muito sagaz disparada por um sujeito postado no balcão do bar favorito deste sujeitinho, e que a proferiu ao perceber o entumescimento dos mamilos de uma mocinha, postada na calçada a poucos metros de nós e que, para ser preciso, nós devorávamos com os olhos. Se os bicos dos maravilhosos e firmes seios da garota se enrijeceram por tesão ou por alarme, fica a critério do leitor!

Saudações(muito) canalhas e cafajestes

sexta-feira, 29 de outubro de 2021

Descobertas feitas em mesas de bar e registradas em guardanapos - CXII

"Às vezes, quando você perde, você na verdade ganha!"

De um frequentador do bar favorito deste escriba, reflexão que encerrou uma narrativa sobre uma trepada paga que ele percebeu a tempo, era uma bela de uma armadilha, com provável ameaça sob mira de arma de fogo empunhada pelo parceiro de crime da 'dama'. Ele chegou a ficar entre quatro paredes com a moça mas conseguiu se safar antes que golpe se consumasse. Daí, entre cervejas, relembramos casos vividos por ambos, em que mulheres, musas questionáveis, se mostraram muito, por demais acessíveis e dispostas a intercurso sexual e acenderam nosso sexto sentido de canalhas curtidos e rodados, o que leva a essa lição óbvia e importante, que muitos ignoram ou esquecem: por vezes, perder uma transa pode significar ganhar coisas muito mais valiosas!

Saudações canalhas e cafajestes

 

sexta-feira, 22 de outubro de 2021

Pérola de sabedoria - pesada, cortante, devastadora

"Um ano ou dois não nos mostram um homem: são estômagos todos; nós comida; engolem-nos com fome e, saciados, nos arrotam." 

Emília, personagem de Otelo, de William Shakespeare, em cena em que conversa com outra mulher, refletindo sobre os homens.

Caros leitores, fiquei e ainda estou tão impactado e golpeado por esse texto que não sei o que escrever a respeito.

Saudações